Cursos de Tradução que já fiz e/ou indico

Confesso que não gosto de repetir postagens. Quem segue o Tradutor Iniciante aqui no blog, na Fanpage e no YouTube já deve ter percebido que as postagens geralmente são diferentes, mas dessa vez vou abrir mão da regra e vou fazer um post tipo #repost só porque esse realmente merece.
Um dos primeiros passos de quem quer ser tradutor é procurar um curso de tradução, e como muita gente me pede indicação de cursos decidi fazer um vídeo falando sobre os cursos que já fiz e os cursos que indico. Alguns deles são presenciais, outros tem a opção de fazer online.
Quem está inscrito no canal já deve ter visto. Se você ainda não está inscrito, se inscreve lá para ficar por dentro das novidades!!!!
Ah! Quero aproveitar e lembrar que vai ter sorteio lá no canal!!! Se você ainda não está participando, clica nesse link para conferir as regras: https://youtu.be/BKU_WPU24D8.
Espero que esse vídeo tenha te ajudado! Se você gostou, lembra de deixar o seu joinha lá no youtube para ajudar o canal a crescer!

Comece sua carreira AGORA!

O post de hoje é inspirado em um post do Ricardo Jordão que vi no Facebook. E digo isso porque muita coisa que está escrita aqui foi “copiada” de lá, com algumas adaptações para nossa área. Logo, a maior parte dos créditos deste post são para o Ricardo Jordão.
O post falava sobre uma moça de mais de 40 anos que queria ser fotógrafa. Resumindo, a moça verificou que para ser uma boa profissional ela precisaria de muitos recursos como um estúdio, uma boa máquina fotográfica e precisaria fazer alguns cursos que poderiam custar até 4 mil reais.
Isso mostra que é preciso investir (e muito) para ser um bom profissional. É preciso se preparar para conseguir realizar seus sonhos.
Continuando o post, Ricardo Jordão dá várias dicas para quem pretende começar uma nova carreira, e achei bem legal e muito válido para vocês que estão buscando informações sobre como ser um tradutor.
A primeira dica é COMEÇAR!!! O importante é entrar no mercado. É conseguir o primeiro cliente/agência de tradução.
Infelizmente, um bom computador, software caríssimos, e vivência no exterior não são garantias de nada!
Pense: qual é o seu diferencial? Qual é o seu público-alvo? Por que alguém aceitaria que você fizesse as traduções necessárias?
Antes de começar, tente responder todas as perguntas acima e depois parta para a pratica! Pode ser que algumas respostas sejam alteradas com o tempo, pois com a vivência cometemos erros e acertos que nos ajudam a melhorar a cada dia. O maior aprendizado é aquele que ocorre com a prática.
Escolha algumas áreas de conhecimento como foco. Aprenda o vocabulário utilizado nessas áreas para que suas traduções tenham qualidade. Lembrem que qualidade é o mínimo que podemos oferecer ao cliente!
No começo invista o mínimo possível em equipamentos. Utilize o computador que você tem em casa, busque software gratuitos para realizar seus trabalhos ou experimente aqueles que disponibilizam uma versão gratuita para teste. Participe de palestras gratuitas e webinar que são indicados em vários grupos de tradução.
O importante é conseguir o primeiro cliente/agência de tradução! Depois que conseguir o primeiro, os outros serão mais fáceis.
Tem que começar! Isso é o que interessa! Esse é o primeiro passo! Você tem que pisar no mercado que você quer dominar e crescer com a prática e a experiência. E você deve fazer isso agora, e não no ano que vem, ou quando terminar o seu curso de tradução!
Fazer uma faculdade de tradução, pós-graduação e cursos livres voltados para a sua área é importante, mas muitas vezes não são o suficiente para ter noção de como é o dia a dia do tradutor.
O Ricardo Jordão fez  uma comparação que eu adorei!!!!

“Você não precisa ser faixa preta para ensinar um faixa branca. Se você já for um faixa amarela, você já resolve o problema do faixa branca. O faixa preta não tem saco nem paciência nem metodologia nem didática nem conhecimento sobre a realidade do faixa branca para ensinar a ele alguma coisa.”

Não se preocupe em ser melhor do que os profissionais que já estão no mercado. Você deve ser DIFERENTE deles.
E aí, já estão prontos para começar???