Acredite no seu trabalho

Para meus queridos Tradutores Iniciantes (e experientes também), o post de hoje é uma mistura de “puxão de orelha” com motivação. rs… Estou brincando, mas o assunto do post de hoje é muito sério!

Em algum momento post do blog eu já falei que devemos valorizar o nosso trabalho, mas já vi várias pessoas perguntando em vários grupos de tradução se a tabela do Sintra é válida, se podemos praticar esses valores, se os clientes vão aceitar pagar, se podem cobrar esses valores mesmo sendo iniciante…
Todas essas dúvidas têm a mesma resposta: SIM! Podemos praticar esses valores, os clientes aceitam pagar, e você pode cobrar esses valores mesmo sendo iniciante, MAS é preciso estar atento: Os valores de referência do Sintra são para trabalhos finalizados. Isso significa que você pode cobrar sim, mas de cliente direto. Você jamais conseguirá cobrar este valor para uma agência de tradução, ou para um colega que vai dividir o trabalho com você.
Algumas pessoas dizem que o valor é irreal, que é absurdo e ninguém vai pagar. Desculpa, mas eu já cobrei a tabela do Sintra para vários clientes diretos que aceitaram, e voltaram! Então, se você tem um cliente direto (seja ele pessoa física ou jurídica), você pode cobrar esse valor.
Já vi pessoas falando que se cobrar os valores de referência do Sintra o cliente não aceita pagar e você ainda perde o cliente. Essa informação não pode ser generalizada! Mas é preciso lembrar que se você quiser cobrar R$0,45, ou R$0,34 para uma agência de tradução, é claro que não vão aceitar e não o chamarão novamente para realizar um trabalho, afinal, a agência tem o trabalho de encontrar o cliente, ajeitar o arquivo e enviá-lo perfeito para você traduzir, depois que você traduz a agência paga outra pessoa para revisar, formata o arquivo, etc. Então, por que a agência deveria pagar uma tarifa tão alta para você, se o trabalho mais complicado e que exige mais tempo é dela?
No dia 03 de novembro o Tradutor Iniciante oferecerá um webinar sobre como vender o valor do seu trabalho, tanto para agências de tradução, como para clientes direto, e fazer você perder o medo de cobrar o quanto seu trabalho vale. Caso você tenha interesse em participar, deixe eu comentário aqui no post, ou envie um e-mail para contato@tradutoriniciante.com.br para deixar seu nome na lista, afinal, as vagas serão limitadas.
Vamos parar para pensar e analisar de fato o quanto vale o nosso trabalho.
Não tenha medo do cobrar! Envie seu orçamento com confiança, afinal, você estudou para isso, você investiu em vários materiais (computador, internet, cursos, CAT Tools, etc) para poder oferecer um serviço de qualidade, e se o cliente realmente precisar e quiser um serviço de qualidade, vai aceitar pagar, mas para isso você precisa demonstrar confiança.

8 Comentários para: “Acredite no seu trabalho

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.