Quanto devo cobrar?

Uma das maiores preocupações dos tradutores iniciantes é justamente o quanto devem cobrar por seus trabalhos realizados.
Lembro que quando comecei não tinha a menor noção, e pelo fato de não ter muita experiência, cobrei R$0,03 quando consegui o primeiro cliente.
Também não entendo o que acontece quando um tradutor iniciante pede ajuda aos tradutores já experientes sobre valores que devem cobrar, e as respostas vão surgindo como: “Depende…”, “Isso é algo que pode variar…”, “Use a tabela do Sintra…” e por aí vai. Aparecem as mais diversas respostas que, ao meu ver, não ajudam em nada!
Se você cobra R$0,03, alguns tradutores experientes te criticam pelo fato de ser muito barato e não estar valorizando o seu trabalho, a sua profissão… Ao mesmo tempo, muitos tradutores iniciantes não se sentem a vontade para seguir a tabela do Sintra, pelo fato de não ter experiência. E agora? Tenho o trabalho na mão e não sei o quanto cobrar. O que eu faço?
Calma! 
Pensando nisso, vendo a dificuldade de muitas pessoas e lembrando desses momentos complicados pelos quais já passei, fiz o post “Quanto devo cobrar?” tendo como base alguns conselhos que foram dados a mim por colegas, professores e alguns que consegui em pesquisas na internet.
Caso você trabalhe com interpretação simultânea ou consecutiva, geralmente se cobra de R$1.300,00 a R$1.400,00 por um dia de trabalho, ou seja, 6h de trabalho. Se você não tem experiência, cobre menos, mas não cobre menos de R$1.000,00 por 6h de trabalho (eu nunca trabalhei com interpretação, mas recebi esse conselho de um professor, em uma palestra que fui no Instituto Cervantes).
Se você trabalha com tradução para dublagem ou para legendagem, os valores praticados são aproximadamente R$5,00 a R$6,00 por minuto, com script (dicas da Dilma Machado). Caso você precise timear ou transcrever as falas, além de ter que traduzir, pode cobrar um pouco mais.
O mais tradicional dos trabalhos de tradução são os textos. E daí surge a  maioria das perguntas como: “devo cobrar por lauda?”, “Cobro por palavras?”, “Cobro por hora?”, “Quanto devo cobrar?” e por aí vai.
Algumas agências de tradução trabalham com laudas, mas isso já é considerado ultrapassado, pois a lauda varia. Alguns entendem 1 lauda como 1000 caracteres sem espaço, outros entendem com espaço.  Para não ter problemas com caracteres, espaçamento, fonte e tamanho das letras, muitos tradutores preferem cobrar por palavras, que é algo mais concreto. E aí, a média fica em R$0,10 por palavra (para cliente direto). Já vi agência que paga ao tradutor R$0,04 por palavra, ou até mesmo R$0,01.
Quando a agência de tradução passa o valor do pagamento, cabe a você aceitar ou não. Se for cliente direto, você tem maior liberdade para decidir o valor.
Ah! Detalhe importante: lembre-se sempre de enviar seu trabalho para um revisor antes de entregar ao cliente!

Espero ter ajudado com esse post. Caso ainda tenha alguma dúvida, você pode ler mais sobre o assunto no livro “Tradutor Iniciante: O que você precisa saber para começar sua carreira!” ou através da Consultoria para Tradutor Iniciante.Se você tem um amigo que está começando a carreira como tradutor e se sente perdido quanto aos valores que deve cobrar, compartilhe esse post com ele!

Fiz um post mais atualizado para você aprender a calcular o valor da sua tarifa! Para ver, basta clicar aqui: Quanto devo cobrar 2 e Quanto devo cobrar 3.

10-18/12/2013 – Curso de Tradução para Legendagem de Filmes

A tradutora Carolina Alfaro de Carvalho ministrará o curso de tradução para legendagem de filmes, na PUC – Rio (no Centro) dias 10, 11, 12,13, 16, 17 e 18 de dezembro de 2013.


Se você deseja trabalhar com tradução para legendas, aproveite ao máximo esse curso!

Clique para obter mais informações.