1 ano de Tradutor Iniciante

Neste post não vou falar sobre a nossa carreira, mas sobre uma vontade que tinha e que coloquei em prática há exatamente 1 ano.
Quando comecei minha carreira como tradutora tive algumas dificuldades e dúvidas, como todos os tradutores iniciantes têm, como por exemplo: “Quanto devo cobrar por este trabalho?” ou “Como vou conseguir clientes/trabalho?”. Estava recém casada e precisava de trabalho (leia-se dinheiro) para pagar as contas, afinal, vida nova, sem papai e mamãe do lado! O bom de tudo é que meu marido sempre me apoiou.
Apesar de sempre pesquisar na internet sobre a carreira, não conseguia algumas informações que achava essenciais. Graças ao bom Deus, um anjo, ou melhor, uma anjinha chamada Amanda apareceu na minha vida e me ajudou bastante dando algumas dicas que muitos tradutores experientes não davam nos grupos dos quais eu fazia parte no Facebook, ou em blogs que falavam sobre a profissão.
Meu marido, além de me incentivar na carreira, também sempre me incentivou a criar um blog sobre tradução, mas eu nunca soube um tema para abordar, até que no meio de uma aula da pós-graduação que faço (Tradução de Espanhol), percebi que a maioria dos meus colegas tinha muitas dúvidas sobre a carreira, e então, finalmente encontrei o tema para criar o blog.
No dia 05 de outubro de 2013 surge o blog Tradutor Iniciante para ajudar e dar dicas aos tradutores que estão começando a carreira. No mesmo dia, criei também um grupo no Facebook com o mesmo nome e com a mesma intenção.
Hoje, estou muito feliz, pois o grupo no Facebook possui mais de 1.300 membros e o blog mais de 5.000 visualizações.
Apesar de citar os números, não tenho preocupação com eles, pois desde quando criei o Tradutor Iniciante minha ideia nunca foi a quantidade, mas sim a qualidade!

A ideia do blog foi ter um público específico para ajudar assim como o grupo no Facebook. É claro que ambos estão abertos para tradutores experientes que aceitam dar dicas, oportunidades e ajudar os que estão começando, sem humilhar, ridicularizar ou envergonhar um colega de profissão por causa de uma pergunta (como já vi acontecer em vários outros grupos). Por este motivo, cada pessoa que solicita participar do grupo recebe uma mensagem, justamente para que naquele momento seja possível conhecer mais um pouco sobre cada novo membro. Com esse filtro (a mensagem inbox) muitas pessoas foram bloqueadas e não tiveram permissão de entrar por destratar os moderadores (eu e o Raw). É preferível que estas coisas aconteçam antes que pessoas assim entrem, pois não queremos esse tipo de atitude no grupo, afinal a intenção é que todos tenham liberdade de fazer perguntas e esclarecer suas dúvidas, sem ouvir (ler) desaforos, sem precisar achar que sua dúvida é “bobinha” ou sem importância.

 

Mas hoje é dia para falar de coisas boas, então, quero agradecer primeiramente ao meu Deus por permitir que eu realizasse o sonho de ser tradutora e poder ajudar aos colegas de profissão através do blog e do grupo.
  • Agradeço ao meu marido Thiago, por sempre me apoiar e ajudar. TQM!!!
  • Amanda, não poderia esquecer de você, afinal, você foi super importante para me ajudar no início da carreira. Obrigada!
  • Raw, obrigada por me ajudar na moderação do grupo enquanto esteve no Facebook. Não sei se você vai ler esse post, mas de verdade, você me ajudou bastante e jamais vou esquecer sua disposição em postar várias dicas e aguentar muita gente falando besteira ao receber a mensagem quando solicitava participar do grupo. Você foi demais!! Saudades!!!
  • Aos meus clientes e agências, obrigada pela confiança!
  • Aos tradutores que leem e acompanham o blog, espero ajudar vocês com os posts que escrevo. Desculpa por ficar dias sem escrever. Às vezes fica meio corrido e não consigo parar. Mas sempre que tiverem alguma dúvida, é só entrar em contato e perguntar ou sugerir algum tema.
  • Aos tradutores que são membros do grupo, vocês são maravilhosos!!! Fico muito feliz ao ver o grupo interagir e não ver confusões ou um humilhando o outro. Afinal, como sempre digo, o Tradutor Iniciante não é meu, é nosso!!!
Que esse seja apenas o primeiro de muitos anos no qual o Tradutor Iniciante está ajudando os tradutores iniciantes a conseguir conhecer melhor a carreira e se estabilizar na mesma!!!

 

5 Comentários para: “1 ano de Tradutor Iniciante

  1. Cátia Franco de Santana

    Parabéns pelo blog e pelo grupo. Comecei a participar de alguns grupos de tradutores no facebook no começo do ano, mas confesso que o Tradutor Iniciante é aquele com o qual mais me identifico e no qual mais me sinto à vontade. E a iniciativa de criar um blog para compartilhar experiências com colegas iniciantes é realmente louvável. Sucesso sempre!

    Responder
    1. Laila Rezende Compan

      Cátia,
      Sua participação e ideias dentro do grupo também são maravilhosas!!! Muito obrigada por colaborar e ajudar o pessoal que está começando agora! Fiquei muito feliz com seu comentário aqui no blog!
      Mais uma vez obrigada!!!
      Sucesso pra gente!!! 😉

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.