Não basta saber dois idiomas para ser tradutor!

Infelizmente muitas pessoas pensam que é fácil ser tradutor. Basta saber dois idiomas e pronto! Posso ser freelancer e conseguir um dinheiro extra. Se você pensa assim, tem duas opções:
1) desista, pois não será um bom profissional se pensar assim;
2) especialize-se e não trate a profissão de um tradutor como um bico!
Ser tradutor vai muito além de saber dois idiomas! É preciso comprometimento! Não basta ter vocabulário no idioma estrangeiro, se não sabe como construir uma frase. Isso sem falar que é preciso saber muito bem o seu idioma materno!
Outro dia estava ouvindo o English Podcast, onde o Ulisses Wehby de Carvalho (do Tecla Sap) fez uma comparação interessante. Era mais ou menos assim: não é porque eu tenho duas mãos que eu sou pianista. Para ser um pianista é preciso muito mais. Do mesmo jeito, para ser tradutor, é preciso muito mais do que saber dois idiomas e ter um bom dicionário.
Para ser um bom profissional é preciso aperfeiçoamento constante. Procure cursos de graduação e pós-graduação. Leia e pesquise bastante! Sempre que puder, participe dos eventos voltados para a área de tradução.
Outro detalhe: nunca pare de estudar! Os idiomas mudam constantemente. De tempos em tempos aparecem novas gírias, ou dependendo da sua área de atuação, novas nomenclaturas ou novos instrumentos. A língua é viva e precisamos estar atentos às suas mudanças. 

Um Comentário para: “Não basta saber dois idiomas para ser tradutor!

  1. Elex deyvison santos marinho

    Sei falar muito espanhol. Holandês. É. Inglês voltei. Da Holanda. Faz três. Anos é. Não sei como consegui. Uma vagar para ser um bom tradutor no brasil
    Espero que me ajudem dank wel

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.