O cliente pediu Nota Fiscal, e agora?

Quando começamos a falar da parte mais burocrática da nossa carreira, muita gente tem dúvidas, inclusive eu!
Não sou expert no assunto, mas o pouco que sei pode ajudar você, Tradutor Iniciante, que precisa emitir Nota Fiscal para um determinado cliente ou empresa.

Preciso emitir uma Nota Fiscal, e agora????
Uma resposta que pode parecer a mais óbvia, e talvez seja a mais correta: ABRA UMA EMPRESA!
Abrindo uma empresa, você realmente poderá emitir Nota Fiscal para seu cliente. Você terá um CNPJ e pagará todos os impostos de acordo com as Leis.

Mas Laila, estou começando agora. Abrir uma empresa é caro! Vou ter que pagar os impostos e também um contador.
Concordo!!! 

Outra resposta que podem dar é faça seu cadastro como MEI (Micro Empreendedor Individual), utilizando o SIMPLES Nacional. Com esse cadastro, você também terá um CNPJ, pagará impostos (com um percentual de aproximadamente 6%, ou seja, bem mais baixo que o de uma empresa LTDA) porém, quando for cadastrar sua área, opte por ensino de língua estrangeira, trabalhos de digitação ou algo do tipo (pois não há a opção para tradutor).
Sinceramente, quando falaram isso pra mim, fiquei com receio de fazer, pois teria que acordar com o cliente que na Nota Fiscal apareceria a descrição de um trabalho diferente do realizado, pois a tradução seria “transformada” em ensino de língua estrangeira ou em serviço de digitação, e além do cliente talvez não gostar da ideia, vai que a Receita Federal descobre? 
Foi então que alguns colegas tradutores (já experientes) e agências de tradução me indicaram a Liame!!!

Liame

A Liame é uma Associação de Apoio à Cultura, e eles fazem a emissão de Nota Fiscal sem que você precise abrir uma empresa ou se cadastrar no SIMPLES Nacional. Eles descontam apenas 8% do valor de cada NF solicitada.
Há quem diga que isso é errado, mas quem está começando a carreira muitas vezes não tem condições de abrir empresa e arcar com os custos da mesma e mais os honorários do contador.

Eu, particularmente, nunca tive problemas com a Liame (e nem com a Receita), por isso, se querem a minha indicação de como emitir NF, a minha primeira opção para você é: associe-se à Liame! Entre no site e veja todos os detalhes.

Custei muito a escrever esse post, pois é um tema complicado de abordar, mas como várias pessoas entraram em contato comigo para saber mais, achei injusto manter essa informação guardada comigo ou passá-la somente para aqueles que entraram em contato diretamente.
Espero que esse post te ajude a tomar a melhor decisão para a sua carreira!!!

13 Comentários para: “O cliente pediu Nota Fiscal, e agora?

    1. Laila Rezende Compan

      Gabriela, Se pudéssemos nos legalizar como MEI, seria ótimo!!! Infelizmente nem tradutor nem intérprete são profissões incluídas nas atividades permitidas.
      Para abrir empresa LTDA pagaríamos um imposto de aproximadamente 16%, fora os honorários do contador.
      Eu ainda prefiro pagar os 8% para a Liame do que me cadastrar no MEI em uma atividade errada e depois ter problemas com a Receita.
      O fato de estarmos incluídos no Simples Nacional já é um começo. Vamos torcer para que nossa profissão seja incluída também como uma das atividades permitidas do MEI!!!
      O ideal mesmo é conversar com um contador de sua confiança e analisar qual é a melhor solução para você, de acordo com os seus ganhos. 😉

      Responder
  1. Anônimo

    "torcer" nao adianta, tem que se politizar e se organizar. isso é um absurdo, pois eu como brasileiro dou aulas de liguas e faco traducoes na alemanha. Nao paguei nada para me registrar, ganhei um CNPJ alemao e com um rendimento de ate 36000 euros sou isento de impostos. Alem disso todo o material comprado para desenvolver a funcao eh restituido parcialmente se declarado no imposto (que so eh obrigatoria se vc ganhar mais de 36000). O incentivo da restituicao faz o pessoal declarar tudo, computadores, folha sulfite, caneta…a direita que sempre dominou o brasil nao tem interesse nisso, a esquerda agora nao consegue mudar as leis com as camaras altas ainda repletas de conservadores e direitistas. O pessoal da traducao tem que se juntar a esquerda e buscar os direitos necessarios e justos que os microempreendedores devem ter.

    Responder
  2. Anônimo

    detalhe – 36 000€ por ano, ou seja, 3000€ por mes que sao mais que R$10 000 reais por mes! No Brasil esses FDP iam estar pegando 27,5% do meu salario mesmo se fosse 3 000 reais por mes. E eles decidindo as leis junto com os juizes tao embolsando liquido mais de 20 000 reais por mes. Essa que eh a tristeza do pais e por isso nao vai pra frente.

    Responder
    1. Laila Rezende Compan

      Oi, Marcelo!
      Você pode cobrar a mais, se quiser, ou já deixar o valor embutido na sua tarifa. Caso o cliente peça desconto, você pode retirar essa porcentagem se ele não precise da Nota Fiscal.
      Vou fazer um post com mais detalhes sobre isso pra você (e para quem mais tiver essa dúvida), ok?!
      Abs

      Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.